QUEM SOU EU...


"Ninguém pode calar dentro em mim esta chama que não vai passar, é mais forte que eu e não quero dela me afastar....



Eu não posso explicar quando foi e nem quando ela veio, mas só digo o que penso, só faço o que gosto e aquilo em que creio..."(Maysa)



Com as outras dores fazem-se versos...com as que doem,grita-se! (Fernando Pessoa)













Quem "grita" como eu......

NITERÓI, LUGAR ENCANTADO!!!

NITERÓI, LUGAR ENCANTADO!!!
Luar dando espetáculo na praia da Boa Viagem!"

quarta-feira, 15 de junho de 2011

OCASO DO CASO


Julguei que do acaso
nascesse nosso caso...

Só consegui
com este acaso
criar um longo e
triste ocaso!!!

******

Sonia Regina , 2011

16 comentários:

neli araujo disse...

Amiga querida,

Faz muito tempo que não passeio pelos blogs...

O teu está lindo!!!!

E o poema é belo, mas tristinho...

beijos carinhosos,

neli

Cristal de uma mulher disse...

Muito bonito teu espaço feito com mãos de fada.

Muitas vezes o acaso fica marcado para sempre como um só momento.

Um abraço e te sigo

Viviana disse...

Querida Sónia

Mais uma vez, o "rosto" escolhido para o seu espaço é suave e belo: Tempo e plumas...ambos com especial significado.

Quanto ao poema, ´"é belo, mas tristinho..." como diz a nossa querida amiga Néli.

Enfim...é o que vai ditando o coração.

Beijos, minha amiga

com admiração e grande estima

viviana

Cristiane Galvão disse...

Oi, Sônia!!!
tudo bem? Lindo texto!!!Um beijo a obrigada pela visita lá no Palavras ao Vento.

Cris.

Sandra disse...

Parabéns pela nova página. Está muito linda. Gostei. Muito obrigada pelo seu carinho e visita. Fiquei muito feliz em te ver por aqui.
O acaso é sempre um acaso.
Bjs.
Sandra

Pelos caminhos da vida. disse...

Querida amiga!

Não há benção maior do que sua existência, obrigada por estar comigo mesmo estando ausente daqui.

beijooo.

Marlene Maravilha disse...

Obrigada querida!
Valeu tua visita para deixar-me muito feliz!
Quanto ao post, (eu gostei muito), em tudo dai gracas. Tudo, absolutamente tudo, tem um tempo de duracao. Se isso for contigo, continua dando chance aos acasos da vida!!
Uma semana abencoada!!!!

Vanuza Pantaleão disse...

Sonia, querida!
Os casos são passageiros e passam, terminam no esquecimento, no ocaso.
Aliás, o que dura para sempre na vida? Só amor de mãe...
Obrigada pela visita tão boa e uma ótima semana!
Beijinhossss

SAULO PRADO disse...

O acaso me trouxe um caso
Dividi com duas uma relação
E me queimei no fogo da paixão
O acaso me mostrou o meu erro
Um filho revelou o meu segredo
Me sentir sujo por ter te mentido
Mais é assim um homem que tem o coração dividido...

Como é bom doce amiga vim beber de suas inspirações....

Tamburro disse...

Seu blog está maravilhosa!!!!!!!!!!!!
Parabéns!!!!!

Muitos bjs!!!!

O N Z E P A L A V R A S disse...

Muito muito obrigada pela visita e comentário no ONZEPALAVRAS. Volte sempre, grande beijo, Ana

Sandra disse...

OLA TUDO BEM. ESTAMOS AQUI DE NOVO.. SAUDADES. DEIXO UM SELINHO BEM ESPECIAL PARA TI NESTE ENDEREÇO..
SEU SELINHO, ESTÁ AQUI..http://sandraandrade7.blogspot.com/2011/06/selo-premio-sunshine-award.html
FUI PASSEAR NA CASA DE MEUS PAIS. APREVEITEI O FERIADÃO. POR ISSO NÃO VIM ANTES.
UM GRANDE ABRAÇO,


SANDRA

Graça Pereira disse...

Como está lindo o teu blog!!...Há poesia, novas cores e um acaso que trouxe um ocaso! Ás vezes os acasos, duram pouco tempo...como o brilho de uma estrela cadente!
Um beijo muito amigo.
Graça

Vanuza Pantaleão disse...

Passei para te deixar o carinho de de sempre, não casual.
Beijos, amiga!

Sonhadora disse...

Minha querida

Hoje passando apenas para te deixar um beijinho carinhoso e agradecer o apoio...por vezes é um abraço apertado que nos aquece o coração.

Rosa

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

As vezes
tiramos do fim,
algo que insistimos
em reviver...

Por isso sofremos.

Vida plena em teus dias.