QUEM SOU EU...


"Ninguém pode calar dentro em mim esta chama que não vai passar, é mais forte que eu e não quero dela me afastar....



Eu não posso explicar quando foi e nem quando ela veio, mas só digo o que penso, só faço o que gosto e aquilo em que creio..."(Maysa)



Com as outras dores fazem-se versos...com as que doem,grita-se! (Fernando Pessoa)













Quem "grita" como eu......

NITERÓI, LUGAR ENCANTADO!!!

NITERÓI, LUGAR ENCANTADO!!!
Luar dando espetáculo na praia da Boa Viagem!"

segunda-feira, 21 de março de 2011

DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN

a>

Hoje, 21 de março, é o Dia Internacional da Síndrome de Down...você sabia?!

Tenho certeza de que a maioria dos que me lerem não sabem disto!


Deixo para todos um texto que escrevi há algum tempo mas que poderia ter escrito hoje, pois até aqui, nada mudou! (reconheço que é longo mas conto com a paciência e compreensão dos amigos.)


**********************************************************************************



PESSOAS INVISÍVEIS, POR ENQUANTO...



Sou mãe de uma mocinha com Síndrome de Down e sábado passado ela e outros iguais foram convidados para adentrarem ao campo do Engenhão de mãos dadas com os jogadores do Botafogo para uma cerimônia sobre a Acessibilidade, antes do início da partida.




Vieram pessoas de longe, enfrentando engarrafamentos e a cerimônia foi realizada com êxito e beleza.




No dia seguinte procurei nos jornais referências ao fato e nada foi noticiado. Daí vem a minha pergunta: -Que cultura é essa que não dá a menor importância a fatos como esse envolvendo a sensibilidade de seres humanos?




Que mídia é essa que estampa em suas primeiras páginas e noticiários televisivos as mulheres-melancia, os cantores associados ao tráfico de drogas, os roubos, assassinatos e um fato belo e importante não tem sequer um comentário em nenhum veículo de comunicação?




Porque pessoas e movimentos como a Acessibilidade de deficientes em lugares públicos e de entretenimento parece não serem vistos por ninguém quando o estádio estava repleto e a imprensa se fazia presente?




Parece que não aconteceu nada e tenho certeza de que a maioria que ler este desabafo também não ouviu falar dele e o motivo é que nossos filhos diferentes, como eu sou diferente de voces todos e da mídia em geral, e todos nós somos diferentes, cada um com a sua necessidade específica, na nossa cultura são seres ignorados, mas lembrem-se, eles existem, se esforçam, brilham em muitos setores artísticos (a minha filha dança como eu nunca consegui fazê-lo e tece tapetes lindíssimos e perfeitos que sequer os vendo porque não têm preço, lê correntemente, interessa-se pelos fatos cotidianos e estuda matemática já tendo, inclusive, recebido medalhas de honra ao mérito pela dedicação ao estudo,como várias outras mocinhas).





Sou eu que estou exaltada, a mídia que é cega, as pessoas é que são insensíveis ou a cultura do país é que não enxerga indivíduos úteis e produtivos em vários aspectos da sociedade?




Afinal, que importância tem que deficientes possam assistir, entrar e sair de casas de espetáculos, estádios,possam circular pelas ruas, entrar em bancos, restaurantes ou em qualquer lugar público com facilidade e segurança?





Essa é a cultura a que a grande maioria está acostumada: deficientes são para se ter "peninha" ou um sorriso complacente...mas isso está mudando com a própria força e esforço deles que suavemente, com suas artes, seus estudos vêm chegando, procurando e ocupando seus espaços!




Um dia, a mídia e todos irão enxergá-los!!!



*************************************************************



Sonia Regina, 02/09/2008

15 comentários:

Sonia Pallone disse...

Vc tem razão Sonia, tragédia e violência é que dá audiência... Por acaso eu sei dessa comemoração, pq tenho algumas amigas que são mães de crianças com síndrome, e quanto mais ouço suas histórias mais admiro a força e a coragem que elas têm...Filhos especiais são para mães especiais, é assim que Deus achou um jeito de juntar esses anjos. Um beijo querida, obrigada pela presença fiel no meu Solidão de Alma.

SAULO PRADO disse...

Eu sou diferente de você
E é nesta diferença que somos iguais
A minha deficiência é cromossomos a mais
A sua? É o medo, a insegurança, e a falta de paz

Eu sou diferente
Mas não é isso que me torna doente
Doente é quem não tem sensibilidade
E se esquece que o mundo esta carente de acessibilidade

Nos somos todos diferentes
Só que alguns são inconseqüentes
Acreditam que são pessoas melhores
E é só por isso que são seres humanos piores...


Minha doce amiga, tenha certeza, que sua filha e outras crianças com Down, podem até ser invisível para a mídia, mas nunca serão invisíveis para as pessoas, que recebem a benção de conviver com elas...

OceanoAzul.Sonhos disse...

Um grande bem haja Sonia pelo seu post.
Todos diferentes, todos iguais, assim devia ser, ninguem escolhe como nasce, todos devem ter os mesmos direitos mas infelizmente as sociedades muitas vezes fecham os olhos a quem muitas vezes precisa de apoio, carinho e palavras de esperança.

Um grande beijinho
OA.S

Pelos caminhos da vida. disse...

Deus deu filhos especiais para Mães especiais assim como vc minha amiga.

Não sabia dessa data, é como disse a Sonia na mídia só vemos tragédia...

Um gdeeeeeeee abraço.

beijooo.

Perola disse...

A mídia e cega e injusta amada.
Eu ñ tomei conhecimento dessa comemoração, creio que justamente por ñ ter sido repercutida com o devido valor que ela merecia.
Sua filha é linda,trabalhei por um bom tempo com crianças portadoras dessa deficiência e foi uma experiência incrível,são extremamente inteligentes e muito carinhosas.
Fiquei muito triste com o ocorrido mas ñ surpresa,o mundo esta vivendo uma desorganização totalmente profunda e seus valores enterrados por mulheres melancias e etc...
Bela postagem minha flor.
Beijo grande.

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


COMPARTIENDO ILUSION


CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...




ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CHAPLIN MONOCULO NOMBRE DE LA ROSA, ALBATROS GLADIATOR, ACEBO CUMBRES BORRASCOSAS, ENEMIGO A LAS PUERTAS, CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER ,CHOCOLATE Y CREPUSCULO 1 Y2.

José
Ramón...

carmen disse...

Sonia Regina:

Concordo com você: as pessoas não querem saber de ver "problemas"... "Cada um com a sua dor"...

E é por isto que a sociedade está tão empobrecida, tão sem sentimento de solidariedade, tão sem amor...

Mas eu creio que há uma esperança de mudança, aos poucos, bem aos poucos, pois não dá para fingir que não se vê estas pessoas tão meigas, tão autênticas, por muito tempo!

Elas estão conquistando o seu espaço, pela força dos seus familiares, sua própria força e a dos amigos!!!

bjs, querida

E força!!!

Vanuza Pantaleão disse...

Amiga,
Desde há muito que sabemos que a mídia é manipulada pelo poder ou por aqueles que o detém. Infelizmente, essa é a realidade.
Sua filha e tantos exemplos de pessoas que se superam a cada dia sempre merecerão das pessoas DO BEM um carinho real e não piedoso.
E ela é linda, sabia? Seu sorriso na foto transborda fragrâncias de rosas.
Parabéns pela filha que tens, Sonia!
Deus abençoe a você, mãe tão inteligente e zelosa e a todos da sua família!
Obrigada pela visita e por suas palavras sobre esses dias sombrios em que vivemos.Eles vão passar...
Beijos pra você e sua menina!!!

Lu Nogfer disse...

Ola Sonia!

Parabens pelo grande exemplo de força e liçao!
O mundo é realmente muito carente de sensibilidade! A midia entao, so se preocupa com o que dá ibope.
Eu conheço pessoas como a sua filha que tbm fazem trabalhos lindissimos mas sao poucos os reconhecidos pelo dom que tem!
A grande massa insensivel esquece que essas pessoas tem sentimentos e que elas nao precisam de serem olhadas com pena e sim como o ser humano mais que normais e especiais que sao!Elas so querem ter o direito de ter o seu lugar ao sol como todos! Mas um dia eu creio que tudo isso ha de mudar!

Um beijo!

Sonhadora disse...

Minha querida

Quanto amor e carinho existe em ti...a tua filha é linda.
Diferente mas igual a todos nós, com os mesmos direitos, mas que os governos esquecem, não é só no Brasil, em Portugal é o mesmo.
Deixo um beijinho para a tua filha e para ti a minha admiração.

Sonhadora

ONG ALERTA disse...

Pior é que é verdade só gostam de notícias ruins, beijo Lisette.

Viviana disse...

Querida Sónia
Imagino como deve ter sido tão bonito esse momento!

Tenho que confessar que aqui em Portugal não ouvi qualquer informação sobre esse dia Internacional, e olhe que eu estou sempre atenta.

Este nosso mundo só coloca em evidência as coisas insignificantes ou ruins...
Está completamente louco.

Temos que nos proteger para não ficarmos loucos também.

Minha querida

Apreciei muio as suas palavras de mãe...de uma grande mãe, eu sei.

Continue assim, amiga. Não se cale nunca!
Até que haja alguém que oiça.

Um grande abraço para si e para a linda e doce Gaby.

Viviana

Helô Müller disse...

É isso aí, Sonia! Parece que o que dá assunto na mídia, são as fofocas e tragédias, não é mesmo?
Mas, o que importa é que vc é uma mãe guerreira, consciente, e atuante... e é disto que o mundo anda precisando.
Parabéns pela filhota talentosa!
Bj grande!
Helô

neli araujo disse...

Soninha querida,

Que post impactante!

Mas infelizmente a amiga tem toda a razão...

Pode Gritar para todo o Mundo ouvir, linda!

beijo carinhoso,

Neli

Graça Pereira disse...

Compreendo a tua revolta e me junto a ela! A comunicação social só quer saber do "podre" porque vende e esgota os periódicos!
É esta a sociedade que temos...aí e aqui! Permeie-se a marginalidade e os traficantes...a sensibilidade a doçura...já não se usa!
Parabens pela força desta postagem, parabens pela tua filha com predicados que faltam a tanta gente marginal mesmo!!
Mil beijos para as duas.
Graça